Instalando o windows 8 no seu PC

Microsoft lançou, no evento Mobile World Congress (MWC) 2012, realizado em Barcelona, mais uma versão de avaliação da mais nova versão do seu sistema operacional, desta vez, voltada para o consumidor final. Os usuários mais ansiosos puderam anteriormente conhecer o que estava por vir na versão “developer preview” lançada no ano passado. Já na versão disponível para download  a Windows 8 Consumer Preview, vem com mais funcionalidades e permite aos seus usuários uma experiência mais completa do que será encontrado na versão final.

A coluna Tira-dúvidas de tecnologia preparou um manual de como instalar a versão recém lançada do sistema em uma máquina virtual e, claro, as primeiras impressões sobre oque o leitor irá encontrar. O instalador do Windows 8 Consumer Preview está disponível no site da Microsoft nas arquiteturas 32-bit (x86) e 64-bit (x64) com as opções de idioma inglês, chinês simplificado, francês, alemão e japonês. Os requisitos mínimos para poder instalar o sistema é um processador com um chip de no mínimo 1 Ghz ou superior, 1 GB de memória (32-bit) ou 2 GB (64-bit), espaço livre no HD de 16 GB (32-bit) ou 20 GB (64-bit).

Como a instalação que será apresentada nessa coluna será virtualizada, o processo requer um hardware superior, já que é preciso levar em consideração o funcionamento de um hardware hospedeiro. Também é possível instalar nativamente em algum PC, o que irá mudar são os passos de criação da máquina virtual.

O uso de uma máquina virtual para instalar o Windows 8 é recomendado por conta da maior segurança para testar os novos recursos do sistema operacional sem comprometer arquivos e informações do sistema principal usado pelo usuário.

A criação da máquina virtual e a instalação do sistema
Uma máquina virtual  é o processo de instalar um ou mais sistemas operacionais sobre um outro sistema. O resultado será uma instalação totalmente independente do sistema nativo do PC. A vantagem da virtualização é que o usuário pode criar inúmeras “VMs” sem que elas interfiram na instalação original. Ou seja, a criação de uma máquina virtual do Windows 8 não irá afetar em nada o sistema atual. Existem vários programas de virtualização, mas nesta coluna será usado oVirtualBox , devido à facilidade de uso. Se o leitor quiser, pode optar pela sua solução preferida. Após instalado o VirtualBox e a ISO de instalação do Windows 8 Consumer Preview, é hora de “colocar a mão na massa”.

Execute o VirtualBox, para criar a máquina virtual, clique em “Novo”.

Tela inicial do programa para virtualização (Foto: Reprodução)

Na etapa seguinte, é preciso definir o quanto de memória RAM será destinado para a máquina virtual. Neste exemplo, será criada uma máquina na arquitetura 64-bit (x64). Portanto, destinarei o recomendado nos requisitos mínimos do sistema, após definir o valor, clique em “Continuar”.

Definindo o quando de memória RAM será usado pelo sistema virtualizado (Foto: Reprodução)

Agora será preciso criar um disco virtual. Esta etapa consiste em destinar o espaço mínimo no HD para instalar o sistema. A opção apropriada é “Criar um novo disco rígido”, deixe marcada a opção “Disco rígido de Boot”, clique em “Avançar”.

Definindo o tamanho do disco virtual de acordo com os requisitos mínimos do sistema (Foto: Reprodução)

O “Tipo de Armazenamento do Disco Rígido” é uma opção em que é possível definir se a quantidade de espaço em disco será fixa ou se ela irá alocando espaço conforme forem sendo gravadas as informações. Na etapa seguinte, será definida a capacidade de armazenamento do disco virtual. Para melhor desempenho, recomenda-se deixar o marcada a opção “Armazenamento dinamicamente expansível”. Feito isso, clique em “Continuar”.

Definindo como o disco irá alocar o espaço em disco (Foto: Reprodução)

É preciso nomear a máquina virtual, a localização de onde o seu arquivo será depositado pode ser alterada (opcional). Já o tamanho do disco deve levar em consideração do espaço livre no PC e o tamanho recomendado nos requisitos mínimos, após informados, clique em “Avançar”.

Configurando o tamanho que será alocado para o disco virtual (Foto: Reprodução)

Após essas etapas iniciais, a máquina virtual já está criada e pronta para receber a instalação do sistema operacional. Clique em “Iniciar” para “liga-la”, esse procedimento equivale ao de precionar o botão de power de um PC convencional.

Ligando a máquina virtual (Foto: Reprodução)

Como é a primeira execução e ainda não foi instalado nenhum sistema, o assistente do VirtualBox irá auxiliar na localização da ISO do instalador do Windows 8. Localize a ISO ou o DVD de instalação e clique em “Continuar”. O programa irá identificar o instalador e inicializá-lo.

Embora o idioma do sistema operacional que será instalado está em inglês, é recomendável definir o o teclado como “Portuguese(Brazil ABNT2), feito isso clique em “Next” para avançar. Na tela seguinte, clique no botão “Install Now”.

Definindo o padrão do teclado (Foto: Reprodução)

A versão do Windows 8 é gratuita, mas é preciso informar o seu “Product Key” para a instalação, ele está descrito logo abaixo da opção de download. A versão inglês do sistema tem como serial DNJXJ-7XBW8-2378T-X22TX-BKG7J. Após digitar a chave, clique em “Next” para seguir no processo de instalação.

Leia os termos de uso do da licença. Se estiver de acordo, clique em “I accept the license terms” e clique em “Next”. Na tela seguinte, selecione o tipo de instalação e disco de destino.

É preciso aceitar os termos de uso da licença para poder instalar o sistema (Foto: Reprodução)

O processo de instalação irá demorar alguns minutos – o tempo varia de acordo com as configurações de hardware do PC que está servindo de hospedeiro. A primeira tela o usuário deve definir um nome para o PC, se preferir, escolhe a color de fundo e após clique em “Next” para avançar.

Definindo o nome do PC e a cor de fundo (Foto: Reprodução)

É possível customizar algumas opções antes de finalizar as configurações, mas nesse exemplo serão usadas as configurações expressas.

É preciso aceitar os termos de uso da licença para poder instalar o sistema (Foto: Reprodução)

Informe um usuário e senha, assim como uma dica para lembrar a senha e em “Finish” para finalizar a instalação.

É preciso aceitar os termos de uso da licença para poder instalar o sistema (Foto: Reprodução)

A tela inicial inicial do Windows 8 não se parece em nada com o que a Microsoft tenha criado nas versões anteriores do seu sistema operacional.

(fonte : http://g1.globo.com/)

Anúncios